domingo, 15 de março de 2009



"POLÍCIA HOLANDESA DETÉM HOMEM POR ESTUPRAR UMA OVELHA"


Haia, 25 jul (EFE).- A Polícia holandesa informou hoje que deteve um homem suspeito de ter estuprado uma ovelha na localidade de Haaksbergen (leste) e investiga se o animal sofreu.

A Polícia tenta agora determinar se a ovelha sentiu dores durante o ato, já que na Holanda o bestialismo só é punido quando se pode comprovar que o animal sofreu, informou a agência holandesa "ANP".

A detenção, que ocorreu na sexta-feira, aconteceu depois que o proprietário da ovelha apresentou uma denúncia à Polícia.

O partido trabalhista no Governo (Pvda) apresentou em abril um projeto de lei para proibir o sexo e a pornografia com animais, cuja viabilidade está sendo atualmente debatida pelo Ministério da Justiça holandês. EFE.

Li na Globo.com, mas parece manchete do O Povo, né? Analisemos alguns trechos da reportagem:

"investiga se o animal sofreu"
Como assim? A pobrezinha – ou pobrezinho, não sei – foi interrogada? Pelo visto, alguém do departamento de polícia da tal localidade fala ovelhês.

"na Holanda o bestialismo só é punido quando se pode comprovar que o animal sofreu"
Sentir dor durante o ato... qual o problema? Uma virgem sente dor em sua primeira vez. Sem contar o caso dos masoquistas, que gostam de umas porradas durante o encontro do côncavo e do convexo.

O partido trabalhista na Holanda então se preocupa com a questão da pornografia envolvendo animais? Um partido com esse nome não deveria se preocupar, sei lá... com questões trabalhistas? By the way, pelo menos eles se preocupam com os animaizinhos, que nem o partido trabalhista daqui, que tem um animal na presidência.
Bem bolado, bem bolado...

Nenhum comentário: